quinta-feira, 31 de agosto de 2017

WORKAHOLIC


CHEGA! A partir de agora é só...

WORK... work.. work and work... and more work...
Cafe? Aceita? Sim... work.


Eu!
Melhor trabalho possivel...
Conversas? Trabalho... Música, teatro, arte!
Melhor hora para isso aqui vir a tona. EU NÃO CONSIGO MAIS.


SIM.... Aceito... Trabalho? Quero... Não.. não dá mais hehe


A gente na vida tem que aceitar que existem algumas coisas que nos fazemos bem. Eu descobri a minha.

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Um prato cheio para o desespero

Um belo dia me pego pensando sobre a vida... (como se eu não fizesse isso todos os dias da minha humilde vida) e percebo que eu, apesar de ser a pessoa mais sortuda dessa universo, consigo ainda assim ser uma esponja...

Absorvo tudo que me rodeia, desde coisas maravilhosas a coisas extremamente desagraveis.


Mas dizem as más línguas que infelizmente (ou não) os opostos se atraem... Eis que me atrai por aquele que acredita ser o ser humano mais azarado do mundo sem sombra de duvidas...

Não é possível que eu seja tão sugada por essa criatura, a todo instante praticamente... me sinto fora de mim... como se algo que não fosse meu, tomou meu corpo, minha forma e passa a me usar e abusar de todas as formas possíveis.

Sim... sinto como se... a cada instante que se passa... eu, que estava no topo do universo, estou mais próximo de um poço que parece nem ter fim...


Eu não consigo olhar pra cara dessa pessoa... sem ter a vontade de chorar... porque me parece ser uma pessoa tão triste que a unica coisa que consigo sentir é... tristeza.

Dizem que o outro é apenas um reflexo de você mesmo... Acontece que essa tristeza que eu venho visto, eu não quero mais vê-la...

Mas tenho sentido tanta tristeza que... não sei se consigo mudar o sentimento para outra coisa... outra direção... outro rumo...

Tem algo que muda meu foco... e toda vez que penso... meu olho vibra e pede por aquilo... como se não houvesse outra saida...

Estou perdida. E a unica coisa que eu queria era... achar a saida desse labirinto de emoções que eu mesmo me enfiei...


segunda-feira, 24 de julho de 2017

Havia perdido fé em mim

Paro para pensar que nada na vida acontece por acaso.

Eu, até semanas atrás acreditava fielmente que todas as pessoas do universo tinham direito a felicidade, exceto eu. (rs)


Porém refletindo sobre esse assunto nos ultimos dias, percebo que há felicidade em tudo que nós fazemos.. mas a gente nunca para para percebe-la, porque é habito para nós perceber apenas aquilo que nos faz mal.

Sou rodeada de pessoas incríveis e rodeada de coisas boas e devo dizer que sou a pessoa mais sortuda do mundo (apesar de tudo).

Porque apesar de ter passado por muita coisa desagradável, eu acredito que tive a opção menos infeliz a ser escolhida (chamaria isso de sorte, não?).


Há uma nova mudança na minha vida agora.
Estou com medo hehe, mas sinto que será pior se continuar como está...
Como eu estava eu havia perdido fé mim, mas alguma coisa no universo fez do que eu voltasse a ter fé novamente.


E assim fico cada vez mais forte. ;)

domingo, 19 de julho de 2015

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Desabafo

Aqui em Blumenau aconteceu a semana da luta contra a Homofobia... o que eu sou completamente a favor e etc e tal...

O Problemas dessas semanas é que... muitas coisas são extremamente exageradas e extremistas...
Vi um post de um garoto aqui de Blumenau que era extremamente Homofóbico e de repente se mostrou ser homossexual também...





Ok... acontece, muitas pessoas escondem sua sexualidade atrás da Homofobia... mas ele fez um post com coisas escritas "O Pastor me disse que cura da Homofobia é Buceta, estou cansado de ver meus amigos morrerem por serem gays..."

O que me fez refletir algo... "Estou cansada de ver gente morrer"... acho que por trás destas ideologias todas, seja ela o feminismo, homossexualismo, racismo etc... vem carregada de um sentimento muito egoísta e vitimismo do tipo "A sociedade me diz que inferior ser assim, me respeite e estou lutando pelos meus direitos"....
Nunca vou me esquecer: Uma vez estava na faculdade conversando com uma garota que faz Psicologia e ela tocou no assunto Feminismo durante a conversa, e quando falei pra uma garota que não era a favor do Feminismo e ela se espantou e disse "Provavelmente porque você não conhece, se não com certeza seria a favor" e eu respondi que conhecia e achava tão extremo quanto o machismo e que eu era a Favor do Humanismo.... E ela riu da minha Cara.

O que eu acho mais engraçado, é que essas pessoas tentam impor a sua Ideologia como a Melhor.... Tipo Pastor da Igreja Universal, só que mais Radical. 

Acredito piamente que se for para seguir alguma Ideologia que seja a favor do ser Humano independente de ser Gay, Negro, Mulher, Homem, Criança, Rico, Pobre....



Pessoas Morrem todos os dias por inúmeros motivos todos os dias....A Religião Mata gente todos os dias... Somos todos seres humanos... Mais amor :) Menos Ideologias :P



sexta-feira, 8 de maio de 2015

Toque de Realidade

Semana turbulenta...

Sempre tive a melhor vida do mundo, nunca passei fome, nem nenhuma necessidade... Não temos luxo, mas vivemos bem, muito bem por sinal...
Sempre tive muito orgulho da minha mãe, por pior que fosse a situação ela sempre levantou a cabeça e dava aquele sorriso maravilhoso que ela tem... Desses 24 anos que convivo com ela, só a vi chorar uma vez... mas em seguida estava feliz sorrindo...

Sempre me disse "Você é mais bonita sorrindo"... e apesar de eu ser estressada, emburrada... aprendi com o tempo que os outros não tem culpa da sua situação... então porque descontamos nos outros com o nosso mal humor? Com o tempo fui aprendendo a não fazer mais isso... porque não vale a pena... Alias, existem muitas coisas que hoje eu percebo que não vale a pena entrar em uma discussão...

Mas hoje em específico me chateei com um acontecimento...
Tenho uma irmã que era Modelo, ela sempre foi muito vaidosa, porém ao extremo... Faz coisas "estúpidas" para se encaixar nos "Padrões de Beleza".
Descobrimos que ela, minha irmã, está com Câncer no Pulmão... E eu juro que, nunca em toda a minha vida, vi minha mãe tão triste... ela estava "segurando o choro" para mostrar que era forte, não tinha vontade de nada, só de chorar. Ela ficou em um canto, sentada durante uma hora mais ou menos... parecia estar esperando alguma notícia... Ansiosa... E bom, ela estava, Minha irmã a ligou informando que estava esperando no hospital para fazer os exames e convidou minha mãe para acompanha-la..

Me cortou o coração ver minha mãe naquele estado, principalmente porque eu também estou doente e para ela... o que acontece com uma, acontece com todas... Decidi sair para comprar alguma coisa para anima-la... Fui em uma floricultura comprar umas orquídeas que ela adora... Reuni todas as minhas forças para ser o mais gentil e sorrir para as pessoas que eu encontrasse na frente, e bom... "Acho que consegui"...

Depois de comprar as flores, parei em uma padaria...pra comprar pão de queijo... Quando estava entrando na padaria uma criança que passava com o pai na rua, fazia um esforço danado para dar oi para o Segurança que estava na porta da Padaria, e o Pai... Apressado, só pensando em correr para evitar o transito... Felizmente o segurança fez um gesto para a criança, depois percebo uma senhora apressada que inclusive pulou a fila para ser atendida...

Um senhor, que gentilmente tenta desejar um bom dia para atendente é ignorado... Em seguida tenta ser gentil pela caixa e também é ignorado....

E eu também... ignorada...


Pensei e fiquei "Como as pessoas são Apressadas e Emburradas... porque que eu estou tentando Sorrir? Se eu tenho motivos bons o suficientes pra chorar?"

Infelizmente.... chorei hehehe e pensei "meu eu só queria um abraço" hehehe

Agora penso... que bom que eu estou tentando sorrir em vez de chorar... porque não vai adiantar muita coisa... não me levará a nada... e eu continuarei sorrindo... :)

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Welcome Back...

Alguém tem que pagar o pato pelas coisas que passam na minha cabeça, não?


Certo dia estava eu acreditando que tudo ficaria bem e que seria a experiência mais agradável do mundo que eu poderia ter... e para minha agradável surpresa: Não foi.


Achei que estava de férias, mas o estresse foi tanto que não sei mais o que significa a palavra férias... Ler isso aqui me deu saudades, ultimamente não escrevo mais... justamente porque acredito que tudo que eu escreve é Bullshit. (E talvez até seja...)

Mas de uma coisa é fato: é um desabafo. Um desabafo necessário para alguém como eu que nunca Fala nada.

Ler meus textos me arrepiam, pois é um pedaço da parte mais podre de mim que fica registrado... Assim como a parte mais pura.

A doce e mais pura... sensibilidade.